Image
Image

Comunicados

pdf Press-release de 17 de junho de 2013

Em Comunicados

Press-release de 17 de junho de 2013

PROJETO TERRAPRIMA - UNAC / FUNDO PORTUGUÊS DE CARBONO – CONTROLO DOS MATOS - 3.ª FASE DE ADESÃO
Seja remunerado pelo sequestro de carbono no solo em áreas de montado, pinheiro manso e carvalho-negral, no sul e interior centro do país, ao controlar o mato com recurso a métodos não destrutivos para o solo.

Lisboa, 17 de Junho de 2013 – Está neste momento a decorrer a 3.ª fase de adesão ao Projeto Controlo dos Matos, um projeto da Terraprima– Serviços Ambientais, Lda., implementado em colaboração com a UNAC (União da Floresta Mediterrânica) e com o apoio do Fundo Português de Carbono.

Os aderentes totalizam uma área total contratada que já ultrapassa os 40.000 hectares, tendo já recebido o pagamento referente ao primeiro ano de compromisso, o que evidencia o interesse que este projeto está a gerar.

Ao aderir ao projeto, os agricultores comprometem-se a fazer o controlo de mato com recurso a métodos não lesivos para o solo durante os quatro anos do Projeto (1 de Janeiro de 2011 a 31 de Dezembro de 2014). A consequente acumulação de matéria orgânica permitirá sequestro de carbono, um serviço ambiental pelo qual os agricultores serão remunerados a 40 EUR por ha.

São elegíveis os agricultores que já procediam ao controlo dos matos com corta-matos ou destroçador antes do período de compromisso ou os que, tendo utilizado grade antes do projeto, pretendam mudar para um destes métodos. São elegíveis áreas de sobro, azinho, pinheiro manso e carvalho negral, no sul e interior centro do país, periodicamente submetidas a controlo de mato e que não tenham sido gradadas desde 1 de Janeiro de 2011.

Para aderir formalmente ao Projeto, ou para obter esclarecimentos relativamente à sua elegibilidade, o agricultor deve dirigir-se a uma das Associadas da UNAC, com os P3 das áreas intervencionadas ou a intervencionar no período de compromisso e com um planeamento das intervenções. Os técnicos das Associadas farão o devido acompanhamento do processo de adesão.

Mais informações em http://agricultores.extensity.pt/

Para mais informações contacte:

Nuno Mendes Calado
Secretario Geral
UNAC - União da Floresta Mediterrânica
T: 21 710 00 14 | 912 344 531
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

NOTAS PARA OS EDITORES

A UNAC – União da Floresta Mediterrânica representa os interesses dos produtores florestais do espaço mediterrânico português junto das instituições nacionais e europeias, através de uma estratégia de intervenção de cariz técnico-político. Acompanha e analisa todos os processos e iniciativas com relevância e interesse para os seus associados, como é o caso das políticas rurais, florestais, ambientais e fiscais. Através da UNAC, as organizações de produtores florestais do espaço mediterrânico definem posições comuns sobre temas estratégicos e transversais,desenvolvendo contributos e participações válidas, construtivas e tecnicamente fundamentadas. Tem uma área territorial de influência de dois milhões de hectares.

A Terraprima- Serviços Ambientais é uma empresa "spin-off" do Instituto Superior Técnico (IST). Surgiu na sequência do projeto "Extensity - Sistemas de Gestão Ambiental e de Sustentabilidade na Agricultura Extensiva", coordenado pelo IST. O projeto demonstrou o grande potencial de sequestro de carbono no solo pelas pastagens permanentes semeadas biodiversas e ricas em leguminosas (PPSBRL).

© 2018 UNAC. All Rights Reserved. Powered By Agri-Ciência

Search